GARANTIMOS MAIS QUE LOGÍSTICA

Head Office +55 11 5908 4050

Blog MAC Logistic

Em testes, DU-E pode beneficiar mais de 25 mil empresas exportadoras

30-01-2017

Lançado para testes em dezembro no ano passado pelo governo, em sua primeira versão para testes abertos, a Declaração Única de Exportação (DU-E) faz parte do Projeto Nova Exportação do Portal Único de Comércio Exterior. Participando ativamente das discussões sobre o projeto como uma das empresas mantenedoras do Instituto Aliança Procomex (Aliança Pró Modernização de Comércio Exterior), a Thomson Reuters e o Instituto Aliança Procomex analisaram as vantagens que as empresas terão ao participar dos testes e adotar, desde já, o novo modelo de declaração.

Além disso, a companhia lançou uma nova funcionalidade Integração para Declaração Única de Exportação na solução Onesource Global Trade, uma plataforma de gestão de comércio exterior. De acordo com a empresa, com esta integração, os clientes da Thomson Reuters poderão testar o recurso enviando informações de seus processos já no novo modelo e contribuindo com o projeto.

“Atualmente, a principal obrigação das empresas exportadoras é o registro da exportação, que se trata de um modelo de trabalho com mais de 10 anos e que exige das empresas um volume muito grande de informações, que muitas vezes se repetem em outras declarações”, disse Rodrigo Mendes, Especialista em Comércio Exterior da Thomson Reuters.

Segundo explicou o executivo, o desenvolvimento desse novo modelo (DU-E) é o primeiro passo do governo para modernização do sistema de exportação “e poder participar dos testes abertos representa uma grande oportunidade para que as empresas participem ativamente da mudança”.

Contendo todas as informações necessárias para uma operação de exportação, Mendes comenta que o sistema reduzirá ainda os riscos de erros e inconsistências entre as informações apresentadas nos documentos de exportação. A expectativa é que de quase 100 informações exigidas atualmente, as empresas passem a reportar menos de 40 com o novo modelo. “Assim, o maior benefício da DU-E para as mais de 25 mil empresas exportadoras que utilizam o modelo atual será a utilização mais eficiente de dados para evitar a duplicidade de prestação de informações e acelerar o processo de exportação”, completa.

Agora, com a fase de testes abertas para a DU-E, John Mein, Coordenador Executivo do Instituto Aliança Procomex, diz incentivar que as empresas participem do processo “e contribuam diretamente para o desenvolvimento de um modelo que lhes traga benefícios e aumente seu potencial exportador”.

Fonte: Guia Marítimo

Artigos Relacionados: Acordo com EFTA poderá gerar aumento de US$ 12 bilhões no fluxo de comércio do Brasil em 15 anos Parceria comercial entre Brasil e Japão pode sair ainda este ano Projeto faz empresas de SC alcançarem exportação mais rápido do que a média nacional Porto de Suape ainda mais competitivo Terminais privados fecham trimestre com 5,7% a mais de cargas movimentadas Mais agilidade e menos velocidade reduzem as emissões no transporte marítimo Dólar fecha em queda de mais de 1%, negociado a R$ 3,73 Com alta do dólar, BC indica que cenário para inflação piorou e que pode subir os juros no futuro Para Antaq, setor de portos não pode ser demonizado Antaq prevê a aprovação de mais 18 terminais privados em 2018
Em testes DU-E pode beneficiar mais de 25 mil empresas exportadoras

mac-logo-pos

   

       

Conheça o grupo MAC Logistic! Ficaremos honrados em atendê-los e principalmente, apoiar o desenvolvimento dos seus negócios, através de projetos logísticos customizados.

   

OFFICES

    Brazil - Head Office (55 11) 5908-4050

    Florida Office +1 305 436-5141

    Vitória Office (55 27) 2122-1777

   maclogistic@maclogistic.com

CÂMBIO

       

As operações da Mac Logistic são regidas pelas Condições Gerais de Negócios registradas no 8º Cartório Oficial de Registro de Títulos e Documentos e Civil de Pessoa Jurídica da Comarca de São Paulo sob o número 1483284.